Aranhas gigantes invadem casas do Reino Unido

Estima-se que cerca de 150 milhões de aranhas invadam as casas do Reino Unido até ao final do outono.

Pode parecer um cenário apocalíptico, mas não é novidade para os britânicos. Todos os anos, os lares de algumas zonas do Reino Unido são invadidos pela Eratigena atrica – ou Aranha Gigante Doméstica - durante os meses de setembro e outubro.

A espécie inofensiva para ser humano pode crescer até 7,5 cm e está entre as mais rápidas do mundo. Mas este fenómeno tem explicação. Simon Garrett, chefe de Estudos de Conservação Ambiental na Sociedade Zoológica de Bristol, explicou ao The Sun que tudo se deve ao início da época de acasalamento.

"As aranhas não gostam especificamente de entrar em casas. Na verdade, até preferem ficar longe delas, pois há menos comida e pouca humidade - é a necessidade de acasalar que altera o seu comportamento", afirma.

Este ano a população desta aranhas cresceu mais do que nunca, graças às condições meteorológicas do país - o verão húmido contribuiu para uma maior proliferação de moscas e insetos dos quais esta aranha se alimenta.

O processo de acasalamento da espécie dura algumas semanas, ao qual se segue a fase de armazenamento, por parte da fêmea, de cerca de  60o ovos que eclodirão na primavera.

Veja aindaAs 10 coisas mais sujas que tem em casa

Saiba mais10 coisas que faz na casa de banho e que não devia

artigo do parceiro: Nuno de Noronha

Comentários