O melhor será sempre ter um comportamento consciente das consequências do mesmo, para que quando as consequências venham, estejamos com vontade de as viver e não de fugir delas.

O melhor será, ter a noção, que todas as ações têm uma reação, e como tal quando acionamos um comportamento seja ele qual for, o mesmo vai provocar reações seja em que pessoas forem, e devemos ser dignos e conscientes dessas reações através da consciência das mesmas.

O melhor será, ter noção que tarde ou cedo as consequências aparecem sempre!

O melhor será mesmo escolher sempre as consequências, do que fugir delas, pois fugir vai aumentando as consequências, quanto mais rápido as viver, mais rápido se livra delas...

O melhor será escolher o menor dos males, e viver a prisão que quer e não a prisão que a/o obrigam, por via de ter comportamentos que gosta mas depois não querer as consequências dos mesmos... aceite as consequências, e responsabilize-se pelo seu comportamento (a responsabilidade é sua e apenas sua!) e divirta-se.

O melhor será um exemplo, uma pessoa anda a 180km e é apanhada/o numa operação stop, pois que o melhor será pagar e não bufar, pois se ainda se zanga, a multa pode ser maior, por desacato, qual é a prisão que quer viver, por ir em excesso de velocidade? Qual prefere? Eu prefiro o menor dos males, pago a multa e enquanto espero ainda me divirto, pois tenho consciência que ia claramente em excesso de velocidade... e assim é tudo na vida!

O melhor será outro exemplo, faz aos outros o que gostarias que te fizessem a ti, tem o comportamento que gostarias que os teus filhos tivessem, sê o exemplo, faz o que faço e não o que digo! Queres ser bem tratado? Trata tu bem... Se tratas mal alguém, mesmo que apenas só nas costas, essa energia volta para ti, em maus tratos também..

Por fim sê a melhor versão de ti próprio, para levares com as consequências dessa escolha... e não do que os outros possam querer para ti!
By Joana Dias
916123422
diasjoana77@gmail.com

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.