O processo que regula a guarda dos dois filhos de Britney Spears, Sean Federline, de 13 anos, e Jayden James, de 12, promete continuar a dar que falar nos próximos dias. Depois de o ex-marido da cantora ter conseguido ficar com 70% da guarda dos meninos, deixando a mãe apenas com os restantes 30%, a imprensa avança com a informação de que Kevin Federline vai agora tentar ficar com a custódia total.

"Ele está seguro em pedir a guarda dos filhos por uma razão muito específica: Ninguém pode cuidar deles agora", adianta uma fonte do site TMZ.

A motivar o pedido do 'ex' de Britney estão as acusações de que o pai da cantora terá tentado agredir uma das crianças. Jamie Spears não está bem de saúde e apresenta comportamentos violentos, ele que era um dos tutores dos meninos devido à carreira agitada da artista e, claro, devido aos problemas psicológicos que afetam a sua saúde mental.

Leia Também: Pai de Britney Spears tentou agredir filho da cantora

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.