Keira Knightley foi notícia recentemente após os comentários que fez acerca de Kate Middleton, mais precisamente, sobre o momento em que a duquesa de Cambridge apresentou ao mundo o seu terceiro filho, o pequeno Louis.

Na altura, a artista referiu que Kate tinha representado uma expectativa “irrealista” em relação ao que era ser mãe por aparecer de saltos altos e maquilhada à porta do hospital.

"Estava fora do hospital sete horas depois com o rosto maquilhado e de saltos altos. O rosto que o mundo quer ver. Esconde. Esconde essa dor, os nossos corpos a quebrarem, os nossos seios a derramar, as nossas hormonas. Aparece bonita, com estilo, não mostres o teu campo de batalha, Kate", escreveu no livro 'Feminists Don’t Wear Pink (And Other Lies)'.

Apesar do teor das suas palavras, Keira já fez saber que o seu objetivo nunca era criticar negativamente a mulher do príncipe William.

“Acho muito interessante [que sejam] essas partes que os meios de comunicação mostram, não quero dizer propositadamente, mas vamos dizer que não representam o significado e exatamente o que eu disse”, sublinhou, acrescentando que a imprensa deveria voltar a ler o seu texto novamente.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.