Morreu o homem que pôs os portugueses a cantar "I gotta feeling" em 2010. Fred Rister, que não resistiu a nove cancros, tinha 58 anos e colaborava com o disco-jóquei francês David Guetta desde 2006. Nas redes sociais, o coautor de sucessos internacionais como "Sexy bitch" e "When love takes over" já lamentou a morte do parceiro de composição. "Foi a pessoa mais leal que alguma vez encontrei e elas são tão raras", elogiou.

"Era uma pessoa talentosa, humilde, generosa e discreta. Além do seu talento, era alguém de uma simpatia rara", enaltece ainda o DJ. "Partilhámos alguns dos momentos mais importantes e mais belos da minha vida", desabafa David Guetta, apontando como exemplo as gravações de "Memories" e "I gotta feeling". "Esta canção ocupou o primeiro lugar das tabelas norte-americanas durante 16 semanas", recorda o produtor.

"Sinto-me muito só neste preciso momento, chorando na minha cama, mas acho que foi melhor assim porque o cancro o fazia sofrer muito. Descansa em paz, meu amigo. Eu continuarei a tocar a nossa música e a pensar em ti constantemente", escreveu o DJ na publicação emotiva que fez nas redes sociais. Frédéric Rister nasceu a 19 de junho de 1961 em Malo-les-Bains, no norte de França. Antes da carreira na música, foi cabeleireiro.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.