A morte de George Floyd, um cidadão negro norte-americano que morreu às mãos de alguns agentes da polícia nos Estados Unidos, gerou uma onda de protestos e reacendeu o debate acerca do problema do racismo. Querendo ser uma parte ativa no protesto, Jay-Z decidiu comprar uma página completa de anúncios de vários jornais para fazer a devida homenagem a Floyd.

O 'anúncio' contém ainda um texto do discurso de Martin Luther King.

A homenagem é assinada pelo marido de Beyoncé, juntamente com os representantes de Botham Jean, DJ Henry e Antwon Rose II, homens negros que também morreram em interações com a polícia.

A edição chegou a várias cidades como Nova Iorque, Denver, Chicago, Los Angeles, Filadélfia, Atlanta, entre outras...

Leia Também: #. Protesto está a cobrir redes sociais de negro

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.