Kanye West viu o seu nome a ser usado indevidamente na sequência de um roubo de identidade, adianta o site de entretenimento TMZ. Segundo a publicação, o prejuízo do golpe foi avaliado em mais de um milhão de dólares, aproximadamente, 880 mil euros.

Fontes revelaram que um homem fez-se passar por agente do rapper e negociou uma participação do músico num evento da Semana de Moda de Nova Iorque, organizado por Philipp Plein.

Sem saber das más intenções do indivíduo, o estilista aceitou o acordo pelo montante bastante avultado. O homem falsificou inclusive a assinatura de Kanye e tirou o dinheiro todo da conta antes da fraude ser descoberta.

Espera-se agora que o caso vá parar às autoridades.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.