Esta terça-feira, dia 2, várias celebridades uniram-se numa campanha de protesto contra o racismo nas redes sociais. Lea Michele, estrela da série 'Glee', foi uma dessas pessoas. Contudo, mais tarde, a atriz foi acusada de ser hipócrita depois de ter feito uma publicação na sua conta de Twitter onde lamentava a morte de George Floyd.

Samantha Ware, que contracenou com Lea na sexta temporada da série, mostrou-se revoltada.

"Lembras-te de quando tornaste o meu primeiro trabalho em televisão num inferno? Porque eu nunca me vou esquecer. Creio que disseste a toda a gente que se tivesses oportunidade 'cagarias na minha peruca!' Juntamente com outras microagressões traumáticas que me fizeram questionar a minha carreira em Hollywood", esgrimou.

"Miúda, tu não me deixavas sentar com os membros do elenco à mesa 'porque eu não pertencia lá'. Vai-te f** Lea", disse Dabier, que foi uma atriz convidada na mesma série.

Até ao momento, Lea ainda não comentou estas acusações.

Leia Também: Falar de racismo para ser "cool"? Atriz portuguesa revolta Sara Sampaio

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.