A marca sueca H&M está a ver-se envolvida numa grande polémica, após ter colocado no site uma foto onde surge um miúdo de raça negra a usar uma sweat. Até aqui nenhum problema, ou não fosse a sweat conter um cariz racista ao ter escrito 'coolest monkey in the jungle', nada mais nada menos do que 'macaco cool na selva'.

Foram vários os comentários de indignação referentes à imagem e à marca em si, ainda para mais, quando foi descoberto que esta peça faz parte de uma linha, onde existe outra sweat que uma criança branca está a usar com a frase 'survival expert'.

Nem só as pessoas comuns ficaram indignadas com esta situação, como também figuras públicas quiseram mostrar a sua revolta, como foi o caso de The Weeknd. O cantor referiu que "Acordei esta manhã chocado e embaraçado com esta foto", "estou profundamente ofendido e não vou voltar a trabalhar com H&M nunca mais...". Também a estrela de NBA Le Bron James, partilhou a sua indignação ao alterar a foto da criança e torná-lo num verdadeiro príncipe.

A marca sueca já veio a público mostrar o seu arrependimento e referiu que vai tentar perceber se o que aconteceu com esta imagem, foi propositado ou não.