Velhos são, cada vez mais, só os trapos. A prová-lo está uma agência de modelos russa que não aceita ninguém com menos de 45 anos. Nas suas fileiras, conta com um grupo alargado de manequins séniores. Homens e mulheres que desafiam o tempo e os padrões estéticos vigentes. Os mais velhos têm idades próximas dos 85 anos, o limite que Gavar Igor, o fotógrafo fundador da companhia estabeleceu aquando da sua criação.

A maior parte dos contratados já ultrapassou a barreira dos 60. Sergey Arctica, 45 anos, é um dos mais novos. "Contratei-o porque ele aparenta ser mais velho do que aquilo que, na realidade, é", assumiu o empresário moscovita em entrevista à revista Vogue. Na Rússia, são muitas as marcas que os contratam para produções fotográficas para catálogos e para campanhas publicitárias, como as que lhe mostramos de seguida.