Bacalhau com cobertura de caju em cama de cogumelos shitake salteados e espinafres

Prepare uma pasta com 150 g de caju triturado, uma colher de sopa de azeite e um molho de folhas de ervas aromáticas a gosto.

Cubra quatro postas de bacalhau altas (já demolhadas) com esta pasta e leve ao forno pré-aquecido a 200 ºC num tabuleiro untado com azeite.

Entretanto, lave 200 g de cogumelos shitake. Salteie-os juntamente com o conteúdo de uma embalagem de folhas de espinafres num wok, em azeite e quatro dentes de alho laminados. Por fim, junte algumas folhas de poejo.

(Fonte: Fileira do Pescado)

Bacalhau com cobertura de caju em cama de cogumelos shitake salteados e espinafres

Aletria estaladiça com bacalhau, ovo e salsa

Escalde a 250 g de aletria em água temperada com sal. Escorra bem e seque. Numa frigideira aqueça dois terços de chávena de óleo vegetal e frite a aletria já escaldada e seca.

Frite em azeite 200 g de cebola laminada e três dentes de alho laminados até que a cebola fique transparente. Nessa altura adicione 500 g de bacalhau cozido e desfiado. Deixe cozinhar quanto baste e retifique os temperos, nomeadamente sal marinho, pimenta preta de moinho.

Bata muito bem cinco ovos, adicione um punhado de salsa picada e envolva no preparado anterior, sem que cozinhem demasiado. Por fim, adicione a massa e deixe frigir por pouco tempo.

Guarneça o preparado com azeitonas picadas, a salsa em folha e decore com a aletria.

(Fonte: Milaneza)

Aletria estaladiça com bacalhau, ovo e salsa

Polvo estufado sobre fatias de pão torrado

Coza um polvo com perto de quilo em meio em água e sal. Pode cozê-lo na panela de pressão. Se assim for, dê-lhe 20 a 25 minutos de cozedura após a panela iniciar a expulsão de vapor. Reserve a água da cozedura.

Num tacho, faça um refogado em 100 ml de azeite com seis cebolinhas, cortadas em gomos, dois dentes de alho picados e oito tomates cereja inteiros, sem que estes se desfaçam. Adicione um pouco de sal (tenha em consideração o facto do polvo ter cozido com sal) e pimenta-preta moída.

Incorpore neste refogado o polvo cortado a gosto e um pouco da água em que o cozeu. Deixe cozinhar em lume baixo/médio. Adicione 100 ml de vinho tinto e deixe-o reduzir.

Sirva sobre fatias de pão torrado e decorado com um raminho de tomilho.

(Fonte: Fileira do Pescado)

Polvo estufado em esteira de pão torrado
créditos: Fileira do Pescado

Peru com marmelo assado e puré de abóbora

Descasque um marmelo grande, remova o caroço e corte-o em pedaços de aproximadamente 1,5 cm. Reserve.

Remova o osso e todos os nervos de uma perna de peru com perto de 400 g e descole a pele com a ajuda de uma faca.

Enrole a carne de modo a obter um rolo o mais uniforme possível e ate com um fio.

Numa assadeira, coloque o rolo de peru, um caldo de carne dissolvido em uma chávena quente de água, 100 ml de vinho Madeira e um fio generoso de azeite e massaje o pere.

Adicione o marmelo cortado e esfregue-o com azeite.

Polvilhe com folhas de tomilho e leve ao forno pré-aquecido a 200 ºC.

Passados cerca de 30 minutos, adicione uma chávena de tomates cherry, vire o rolo e volte a colocar no forno por mais  30 minutos.

Entretanto, prepare o puré:

Corte 450 g de abóbora aos cubos, retirando-lhe casca e sementes, e coloque-a num tachinho.

Cubra com 200 ml de leite e adicione um cubo de caldo de galinha. Tape e leve a lume brando até que a abóbora esteja cozida.

Triture com a varinha mágica, adicione 50 g de manteiga e retifique de sal e pimenta.

Quando a carne estiver pronta, retire para uma travessa e tape com papel alumínio.

Verta o molho resultante do assado para um tachinho, adicione o vinho da Madeira restante e duas colheres de sopa de sultanas e deixe reduzir para metade do volume.

Adicione, então, uma colher de café de Maizena (opcional) diluída num pouco de água e mexa até engrossar.

Corte algumas rodelas do rolo e sirva sobre um pouco do puré de abóbora e acompanhe com o marmelo assado. Para terminar, regue com o molho e decore com algumas groselhas.

(Fonte: Blogue “Faz & Come”)

peru

Bolo-Rei, a receita “fora da caixa”

Bolo: pré-aquecer o forno a 180 °C.

Untar e polvilhar uma forma de buraco. Bater 150 g de manteiga amolecida com 180 g de açúcar amarelo. Juntar quatro ovos e bater novamente. Adicionar 250 g de farinha com fermento e uma colher de sobremesa de fermento em pó. Misturar.

Acrescentar 60 g de frutas cristalizadas, 30 g de sultanas pretas, 30 g de miolo de noz, duas colheres de brandy e uma colher de sobremesa de raspa de limão. Ligar tudo muito bem, até ficar uma massa homogénea. Levar ao forno durante 35 minutos. Desenformar e deixar arrefecer.

Cobertura: misturar 200 g de açúcar, quatro colheres de sopa de leite e uma colher de sopa de sumo de limão, até ficar um glacé liso. Aplicar sobre o bolo e aguardar que seque.

Decorar com cerejas cristalizadas.

(Fonte: Blogue “Há Alguém Mais Gulosa do Que Eu?”)

O Bolo de Reis da doceira Mafalda Agante

Copinhos de cheesecake natalícios

Para a mistura de especiarias: duas colheres de sopa de canela em pó; meia colher de chá de gengibre em pó; meia colher de chá de cravinho moído na hora; meia colher de chá de cardamomo em pó; uma colher de café de erva-doce; pimenta preta moída na hora q.b.; noz-moscada ralada na hora q.b.

Partir 100 g de bolachas tipo Maria em pedaços e triturar até obter um “pó” homogéneo.

Colocar numa taça e adicionar a mistura de especiarias.

Misturar com uma vara de arames e distribuir pelos copinhos para servir.

Numa taça, bater 250 g de queijo (pode substituir por iogurte grego natural sem açúcar) fresco com uma vara de arames.

Adicionar mel a gosto, a raspa de uma laranja e misturar com uma vara de arames até obter um creme homogéneo.

Distribuir o preparado pelos ´copinhos`.

Levar ao frigorífico até servir.

Antes de servir, decorar com framboesas frescas a gosto e com açúcar em pó.

(Fonte: Blogue “Camomila Limão”)

Rabanadas de Alvarinho recheadas com queijo de cabra e doce de pera

Disponha, numa bancada, seis fatias de pão de forma.

Coloque, no centro de cada fatia de pão, uma colher de sobremesa do doce de pera e um pouco de queijo de cabra (no total o queijo deverá ter 100 g).

Sobreponha as restantes seis fatias sobre as anteriores e faça pressão com os dedos à volta do recheio, fazendo uma espécie de ravioli.

Com um cortador ou copo, corte cada "sanduíche", de forma a que estas fiquem seladas. Reserve.

Num tacho, leve ao lume 200 ml de vinho Alvarinho juntamente com 100 g de açúcar e um pau de canela e deixe ferver por cinco minutos.

Deixe arrefecer um pouco e, muito cuidadosamente, molhe a "sanduíche" no vinho.

Aqueça uma frigideira com 50 g de manteiga.

Passe as rabanadas pelos ovos, previamente batidos, e frite-as na manteiga derretida, deixando que fiquem douradas de ambos lados.

Sirva estas deliciosas rabanadas ainda quentes, polvilhadas com açúcar em pó.

(Fonte: Blogue “Faz & Come”)

Rabanadas de Alvarinho recheadas com queijo de cabra e doce de pera

Sonhos enformados no forno

Ligue o forno a 220 ºC.

Unte pequenas formas com creme vegetal e polvilhe com farinha. Deite cinco ovos para uma tigela e bata bem até triplicarem o volume, junte 250 g de farinha, uma colher de chá bem cheia de fermento em pó, 1,5 dl de água e 1,5 d de leite e misture muito bem.

Adicione uma colher de chá de raspa de limão e mexa bem.

Divida a massa pelas formas, mas sem encher demasiado e leve ao forno durante 20 minutos.

Verifique a cozedura com um palito, retire, desenforme e deixe arrefecer um pouco.

Polvilhe-as com açúcar e canela em pó e sirva.

(Fonte: Teleculinária)

Sonhos enformados no forno

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.