Pequenas mudanças nos hábitos de consumo poderão ser determinantes para a sua saúde e ainda proporcionar uma redução dos custos. Deixamos-lhe algumas dicas para refeições mais saudáveis para si e para a sua carteira:

1- Planeie e estruture as refeições antes de ir às compras.

2- Elabore uma lista de compras e cumpra-a. Assim não gasta para além do que precisa.

3- Não vá às compras com fome ou sede, são factores que promovem a urgência de adquirir mais bens alimentares.

4- Evite levar as crianças de tenra idade às compras. Os pedidos, particularmente de alimentos açucarados, são muitos e os pais cedem com frequência.

5-Procure os preços mais baixos. Nem sempre correspondem aos alimentos que têm inferior qualidade. Compare os rótulos e encontrará boas surpresas.

6- Consulte os rótulos das embalagens e não se esqueça de verificar o prazo de validade. Opte por bens com validade alargada e tenha em consideração que em certos alimentos a validade é meramente indicativa.

7- Prefira fruta e hortícolas da época, são mais nutritivos e normalmente mais baratos.

20 compromissos para uma dieta rica no prato e leve na carteira

8-Escolha carne e peixe mais económicos, escolha os que tenham menos peles e gorduras visíveis.

9- Não se esqueça de consumir leguminosas, pois são boas alternativas ou complementos à carne, peixe e ovos. Proporcionam sopas ricas e nutricionalmente equilibradas.

10- Escolha embalagens de tamanho familiar e divida-as em casa em doses individuais.

11- Evite os alimentos processados, ricos em gordura e sal.

12- Evite o consumo de alimentos açucarados.

13- Não se esqueça de ingerir sopa no início das refeições. Com o estômago “forrado” sentirá menos apetite para o prato principal.

14- Evite fazer refeições fora de casa. Mas quando as fizer, evite as entradas, fritos e assados com muita gordura, pois constituem uma fonte extra de calorias.

15- Tome o pequeno-almoço em casa. Para além de ser uma opção mais barata, consegue também controlar os alimentos que ingere.

20 compromissos para uma dieta rica no prato e leve na carteira

16- Procure levar consigo alimentos de casa para as refeições intercalares, como a merenda da manhã e/ou da tarde, evitando assim recorrer a snacks. Levar uma sandes preparada previamente em casa é mais barato do que comprá-la num café ou pastelaria.

17- Se almoçar ou jantar fora de casa, poderá também procurar levar já preparado para consumo (ex. sandes com carne/peixe/ovo e produtos hortícolas) ou aquecer no local de trabalho (se este tiver micro-ondas).

18- Caso faça uma refeição fora e sobre comida, não desperdice: solicite ao funcionário uma embalagem com as sobras para levar para casa.

19- Beba no mínimo 1,5 l de água por dia. Leve uma garrafa de água de casa, assim evita ter que comprar em locais onde seja mais cara.

20- Coma diariamente alimentos de todos os grupos da Roda dos alimentos e varie ao máximo.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.