As propriedades descongestionantes, depurativas e digestivas do ananás, uma fruta muito apreciada pelos portugueses, vão ajudá-lo a perder peso e a eliminar líquidos, além de reduzir o inchaço. Um misto de dieta antitoxinas e de dieta saciante. O ananás tem um conteúdo nutricional muito completo. Contém vitaminas, minerais, oligoelementos e oferece inúmeras vantagens digestivas, sendo ideal para perder peso.

100 g de ananás fresco contêm apenas 44 calorias. Um dos tesouros desta fruta é a sua quantidade de vitaminas. Fornece carotenos (20 mg por cada 100 g), percursores da vitamina A. Além disso, também concentra importantes quantidades de vitamina C (16 mg por cada 100 g) e vitamina E, antioxidantes que travam a formação de radicais livres), a par de vitaminas do grupo B, que favorecem o bom estado da pele.

Este fruto exótico, muito apreciado, tem ainda minerais como potássio (160 mg por cada 100 g), magnésio e cobre. Contém também alguns ácidos digestivos e uma enzima, a bromelina (encontra-se, essencialmente, na coroa do ananás, nas folhas verdes), que ajuda a metabolizar os alimentos e, sobretudo, a digerir as proteínas. O seu conteúdo de fibra (1,2 g por cada 100 g) ajuda a regular o trânsito intestinal.

As (muitas) propriedades medicinais do ananás

Este fruto alivia a prisão de ventre e bloqueia a absorção de gorduras. O ananás não tem quase gorduras nem colesterol mas contém hidratos de carbono de absorção rápida. Com a fibra, evitará o cancro do cólon. Com a bromelina, combinada com outras substâncias, estará a favorecer a circulação sanguínea. O ananás é ainda bom para a hipertensão pela sua concentração de potássio.

Este fruto protege o organismo de infecções e também ajuda a limpar as vias respiratórias. A sua ação anti-inflamatória acalma as dores da artrite, tendinites, entorses e luxações. A retenção de líquidos e o excesso de peso estão frequentemente associados à celulite. O ananás é um excelente remédio para ambas as situações, por causa da sua acção diurética, proporcionada pela bromelina e pelo potássio.

Para além disso, cerca de 75% do seu conteúdo é água, que ajuda a drenar as toxinas do corpo, pelo que é uma fruta depurativa. Marisa Costa, dietista no Hospital de São João, no Porto, faz no entanto uma advertência. «Para se obterem todas estas propriedades é necessário ingerir grandes quantidades de ananás, uma vez que contém hidratos de carbono de absorção rápida», esclarece a especialista.

O plano semanal que deve seguir para emagrecer

Descubra, de seguida, o esquema nutricional aprovado e validado por Marisa Costa, dietista no Hospital de São João, no Porto, que deve seguir em cada um dos dias.

Segunda-feira

Pequeno-almoço: Café ou chá com adoçante e leite magro + 2 torradas de pão integral com um pouco de mel
Meio da manhã: 1 copo de sumo de ananás + ½ queijo fresco + 1 fatia de pão integral
Almoço: Sopa ou creme de legumes + 150 g de frango assado (sem pele) com uma batata assada + 1 salada mista + 2 rodelas de ananás
Lanche: 1 rodela de ananás + 1 iogurte magro + 1 tosta
Jantar: Sopa ou creme de legumes + 100 g de massa com tomate + 1 fatia de ananás

Terça-feira

Pequeno-almoço: Café ou chá + 1 chávena de leite magro + 2 torradas de pão integral + 1 copo de sumo de laranja
Meio da manhã: 1 rodela de ananás + 1 lacticínio magro + 2 bolachas torradas
Almoço: Sopa ou creme de legumes + tortilha com um ovo e atum (sem óleo) + 1 salada + 2 torradas de pão integral + 2 rodelas de ananás
Lanche: Café ou chá com leite + 1 rodela de ananás + 1 fatia de pão de mistura ou integral
Jantar: Creme de espargos + pão integral com 2 fatias de fiambre de peru + 1 rodela de ananás

Quarta-feira

Pequeno-almoço: Café ou chá + 1 chávena de leite magro + 2 torradas de pão integral com mel + 1 iogurte magro
Meio da manhã: 1 copo de sumo de ananás + 1 fatia de fiambre de peru + 1 fatia de pão
Almoço: Sopa de cenoura + 1 sanduíche de presunto, alface e tomate + 1 rodela de ananás
Lanche: 2 rodelas de ananás + 1 iogurte magro + 2 tostas
Jantar: Sopa ou creme de legumes 150 g de peixe (branco ou azul) + 1 tigela de vegetais + 1 rodela de ananás

Quinta-feira

Pequeno-almoço: Café ou chá + 1 chávena de leite magro + 2 torradas de pão integral + 1 copo de sumo de laranja.
Meio da manhã: 1 iogurte + 1 copo de sumo de ananás + 1 bolacha de arroz integral.
Almoço: Creme de legumes + 150 g de peito de frango assado + 2 colheres de sopa de arroz + 2 rodelas de ananás.
Lanche: 1 café ou chá + 1 peça de fruta + 1 fatia de pão com ½ queijo fresco.
Jantar: Sopa ou creme de legumes + 1 ovo cozido + 2 fatias de fiambre + 2 torradas + Salada mista + 2 rodelas de ananás

Sexta-feira

Pequeno-almoço: Café ou chá + 1 chávena de leite magro + 2 torradas de pão integral
Meio da manhã: 1 rodela de ananás + 3 bolachas Maria
Almoço: Sopa ou creme de legumes + salada com 100 g de fiambre de peru, 2 tomates, ½ pepino e 2 colheres de sopa de macarrão + 2 rodelas de ananás
Lanche: 2 fatias de pão integral com queijo fresco
Jantar: Sopa ou creme de legumes + tortilha com um ovo e atum (sem óleo) + salada mista + 2 rodelas de ananás

Sábado

Pequeno-almoço: Café ou chá + 1 chávena de leite magro + 2 torradas de pão integral + 1 copo de sumo de laranja
Meio da manhã: 1 rodela de ananás + 1 iogurte magro + 1 tosta
Almoço: Sopa ou creme de legumes massa com vegetais + 1 iogurte magro + 2 rodelas de ananás
Lanche: 1 copo de sumo de ananás + 1 fatia de fiambre de peru + 1 fatia de pão integral
Jantar: Sopa ou creme de legumes + 150 g de peixe grelhado (branco ou azul) + salada + 1 rodela de ananás

Domingo

Pequeno-almoço: Café ou chá + 1 chávena de leite + 2 torradas de pão integral + 1 copo de sumo de ananás
Meio da manhã: 1 iogurte magro + 1 maçã + 2 bolachas Maria torradas
Almoço: Sopa ou creme de legumes + arroz com verduras + 150 g de peito de frango (sem pele) assado ou salteado + 2 rodelas de ananás
Lanche: Café ou chá com leite magro + 1 fatia de pão
Jantar: Creme de cenoura + 2 fatias de presunto + 1 fatia de pão integral torrado + 1 rodela de ananás

Os cuidados a ter com os sumos de ananás

Apesar do sumo de ananás engarrafado ser um dos mais consumidos, não está isento de problemas. Estas são alguns dos principais alertas dos especialistas:

- Muitos destes sumos são feitos a partir do sumo concentrado, ao qual se juntam água e aromas originais ou polpa. A quantidade de água acrescentada reflete-se no sabor e nas suas propriedades nutricionais. Este é um aspeto que deve ser tido em conta quando comprar este tipo de sumos.

- Verifique a quantidade de açúcar que contém, que não deve ultrapassar os 15 g por litro. Não se esqueça que o produto não tem de conter aromas que não sejam naturais nem ácido cítrico, e que as embalagens opacas preservam muito melhor a sua riqueza vitamínica.

- A melhor opção, segundo Marisa Costa, dietista, é "preferir sempre a fruta [só assim consegue aproveitar toda a sua fibra e micronutrientes] ou então o seu sumo natural mas feito e consumido na hora, sem adicionar açúcar".

Texto: Joana Martinho com Marisa Costa (dietista)

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.