Os 28 novos casos foram registados nas províncias de Maputo (01), Nampula (08), Zambézia (15) e Cidade de Maputo (04), referiu um comunicado do ministério moçambicano.

Os novos doentes, dos quais três são menores de 15 anos, estão em isolamento domiciliar e decorre a identificação dos seus contactos, acrescentou o documento.

Dos 1.040 casos de infeção pelo novo coronavírus já registados no país, 958 são de transmissão local e 82 são importados, havendo seis pessoas internadas, oito óbitos e 280 recuperados.

As províncias de Nampula e Cabo Delgado continuam a registar o maior número de casos ativos, com 297 e 153 casos, respetivamente, seguidas da Cidade de Maputo, com 99, e Maputo província, com 76.

As restantes sete províncias têm menos de 30 casos registados.

Um total de 35.140 pessoas foram testadas desde o anúncio do primeiro caso, em 22 de março.

Foram colocadas em quarentena domiciliária 20.883 pessoas suspeitas de COVID-19 das mais de um milhão rastreadas.

Um total de 2.304 continuam a ser acompanhadas pelas autoridades de saúde.

A pandemia de COVID-19 já provocou mais de 538 mil mortos e infetou mais de 11,64 milhões de pessoas em 196 países e territórios, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.