Os pacientes com 56 e 43 anos, do sexo masculino e de nacionalidade moçambicana, morreram após um agravamento do estado clínico durante internamento em unidades hospitalares das cidades de Maputo e Beira.

Segundo a atualização de hoje, o país tem mais 231 casos de covid-19, batendo o recorde de doentes anunciados pelo segundo dia consecutivo, totalizando 5.713 infeções e 37 óbitos desde que foi declarada a pandemia, há seis meses.

A maioria (61%) dos casos hoje anunciada foi registada em Maputo, na cidade (77) e província (66).

As autoridades de saúde reportaram também 157 pessoas dadas como totalmente recuperadas, elevando para 3.181 o cumulativo de recuperações (55% do total de casos).

Moçambique já fez 117.029 testes, 1.441 nas últimas 24 horas.

O país regista um cumulativo de 127 pessoas internadas em unidades hospitalares devido à covid-19, das quais 31 em centros de isolamento.

A pandemia de covid-19 já provocou pelo menos 929.391 mortos e mais de 29,3 milhões de casos de infeção em 196 países e territórios, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.