Pai solteiro, por vezes, sofre e não é pouco! Lan Shengjie, mais conhecido por BLUE, vive em Taiwan e trabalha como ilustrador. Em 2014, pouco depois de ser pai, para se entreter, começou a fazer desenhos que retratam as alegrias e as dificuldades enfrentadas pelos pais que cuidam sozinhos dos filhos, como é o seu caso. "Comecei esta série de ilustrações depois do nascimento do meu filho", conta o artista freelancer.

"Quando se é pai, há uma série de coisas que acontecem inesperadamente. Por isso, comecei a desenhá-las e a partilhá-las. Nunca pensei que a resposta fosse tão positiva", admitiu já publicamente BLUE. É no site que criou e na sua conta na rede social Facebook, na qual soma mais de 30.000 seguidores, que Lan Shengjie compartilha as experiências, os desafios e as recompensas que a paternidade lhe proporciona.

"Espero que o meu filho possa crescer num ambiente seguro e saudável. Preocupa-me ele poder tornar-se num hooligan ou em qualquer outra coisa que possa correr mal ao longo do seu caminho. É por isso que tento acompanhá-lo sempre no seu crescimento e ajudá-lo no que puder", admitiu o ilustrador, que iniciou a carreira em 1999 e já publicou um livro de banda desenhada em parceria com a editora Sharp Point Press.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.