Brad Pitt e Angelina Jolie terão pedido mais tempo a um juiz para concluírem o seu processo de divórcio, noticia a imprensa internacional.

O antigo casal está a tentar chegar a um acordo relativamente à custódia dos seis filhos e, por isso, enviaram um pedido ao juiz John Ouderkirk – que também oficializou o seu casamento em 2014 – para continuar a analisar o processo até ao diz 31 de dezembro de 2019, seis meses mais tarde do que estava programado.

Segundo o site Blast, a atriz pretende que os seus pedidos feitos anteriormente sejam devidamente revistos. Na semana passada foi referido que os artistas, cuja separação foi anunciada em setembro de 2016, estavam próximos de terminar o acordo quanto aos filhos: Maddox, de 17 anos, Pax, de 14, Zahara, de 13, Shiloh, 12, e as 10-gémeas Knox e Vivienne, de 10.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.