Está patente desde a passada terça-feira, no Centro Cultural Franco-Moçambicano, em Maputo, a exposição de desenhos "A Imagem que Conta", da autoria da ilustradora brasileira Luciana Hees.

«Esta mostra é uma retrospectiva dos livros que ilustrei desde 2005 até agora. São ilustrações para quatro livros que foram editados no Brasil e todos eles dizem respeito a contos tradicionais africanos».

Os contos adaptados são da costa Oeste de África, afinal a «zona do continente que mais influenciou o Brasil, como a Nigéria, Camarões e Costa do Marfim».

Luciana esclareceu ainda que «é importante expor aqui para os moçambicanos verem como é que as imagens são desenhadas, interpretadas, faladas. Como é que África também é vista fora daqui. Ilustrei todos os livros daqui para o Brasil.
Durante esse processo de ilustração, vi que muitos jovens com quem trabalhava ficavam muito curiosos, mas depois não tinham oportunidade de ver esses livros. Igualmente importante para mim foi ver a reacção dos escritores», esclareceu a artista.

Refira-se que esta é a primeira vez que Luciana reúne todos os seus trabalhos.

Cristóvão Araújo

23 Abril 2010

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.