Kim Kardashian confessou que Kanye West, o seu atual marido, foi aconselhado a não assumir uma relação consigo devido à sex tape onde esta surge na cama ao lado do rapper Ray J.

“Nos conhecemos há 15 anos, em 2002 ou 2003, e ficamos amigos em 2006 ou 2007. Ele colocou-se contra o mundo quando todos lhe disseram que ele não poderia namorar alguém que tinha gravado uma sex tape, que ele não poderia namorar uma pessoa de um reality show e que isso poderia arruinar a carreira dele, foi o que todos lhe disseram”, contou a socialite em entrevista ao podcast ‘Be Woke Vote’, citado agora pela revista People.

“O que ele me disse foi: ‘Ninguém me vai dizer o que fazer, vai ficar tudo bem’”, acrescentou Kim, reforçando a ideia de que o marido este sempre ao seu lado em todas as ocasiões.

De recordar que Kim e Kanye estão casados há quatro anos e têm três filhos em comum.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.