Na terça-feira tinham sido registadas 134 mortes, mas os valores nos últimos dias poderão ter sido reduzidos devido ao atraso dos registos administrativos das mortes durante o fim de semana, que se estendeu por um dia por causa do feriado de segunda-feira.

O número de casos de contágio aumentou para 267.240 infetados, mais 2.013 do que no dia anterior.

O governo britânico vai hoje anunciar mais pormenores sobre o novo sistema de rastreamento para acompanhar o levantamento progressivo das restrições impostas pelo regime de confinamento em vigor.

Uma primeira fase avançou em 13 de maio, com a autorização de maior atividade ao ar livre, incluindo alguns desportos, mas mantêm-se limites à interação entre pessoas de diferentes agregados e a necessidade de continuar a respeitar o distanciamento de dois metros.

Numa segunda fase, as escolas primárias deverão reabrir parcialmente na próxima segunda-feira e as escolas secundárias lojas não essenciais a partir de 15 de junho, porém estas medidas só se aplicam em Inglaterra. 

Devido à autonomia da Escócia, País de Gales e Irlanda do Norte, os regimes de confinamento têm regras e calendários diferentes nas diferentes regiões do Reino Unido.

A nível global, segundo um balanço da agência de notícias AFP, a pandemia de COVID-19 já provocou mais de 350.000 mortos e infetou mais de 5,6 milhões de pessoas em 196 países e territórios.

O ar dentro de um avião: como são eliminados vírus e bactérias?

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.