A mulher mais bonita do Universo é francesa

A francesa Iris Mittenaere, uma estudante de Odontologia de 24 anos que gosta de cozinhar, foi coroada Miss Universo esta segunda-feira em Manila.

Iiris Mittenaere tem 24 anos e nasceu em Lille, norte de França. Caso vencesse, a jovem prometeu utilizar a sua notoriedade para promover a higiene dental.

créditos: AFP

Nascida em Lille, norte de França, onde mora até hoje, Mittenaere foi Miss França em 2016 e Miss Norte-Pas-de-Calais no ano anterior.

A jovem de 1,72m havia prometido, caso vencesse, utilizar a notoriedade para promover a higiene dental, segundo o site do concurso.

Confessou adorar "desportos radicais, viagens e preparar pratos da culinária francesa". Na última ronda de perguntas, afirmou que é partidária da globalização e das fronteiras abertas.  "Ter fronteiras abertas permite-nos viajar mais pelo mundo e ver o que acontece noutros lugares", disse.

A nova Miss Universo superou, na etapa final do concurso, as representantes do Haiti, Raquel Pelissier, e da Colômbia, Andrea Tovar. A representante do Brasil, Raissa Santana, que chegou a ser apontada como uma das favoritas, ficou entre as 13 finalistas do concurso. Um dos destaques do concurso foi Deshauna Barber, soldado da reserva do exército americano.

O apresentador da cerimónia foi o mesmo do ano passado, o americano Steve Harvey. Em 2016, provocou uma grande confusão ao anunciar a vencedora errada, atribuindo o título à representante da Colômbia quando a campeã era a Miss Filipinas. Harvey corrigiu o erro minutos depois pedindo desculpas a todos, mas a confusão provocou muitas piadas na edição deste ano.

Esta foi a segunda vitória de uma francesa no concurso Miss Universo. A primeira aconteceu em 1953, com Christiane Martel.

Comentários